Taça Libertadores da América 2015: Corinthians goleia o Danúbio com três gols de Guerrero e um de Jadson.

Corinthians
Corinthians

 

Líder do Grupo 02 da Taça Libertadores da América 2015, o Corinthians recebeu nesta quarta-feira (1/4) o Danubio (URU) e, com três gols de Guerrero, venceu o jogo de goleada pelo placar de 4 a 0.

 

 

Com 12 pontos, o Corinthians é o líder da chave e se aproxima da classificação. A equipe do Uruguai segue sem pontuar na competição.

 

 

 

O Danubio iniciou a partida tentando pressionar, mas o Corinthians foi o time a conseguir a primeira boa chance de gol da partida, aos oito minutos, na jogada de Renato Augusto e Emerson que Guerrero desviou para a defesa do goleiro da equipe uruguaia.

 

 

 

O Corinthians aumentou a pressão durante a primeira etapa e aos 26 minutos, Jadson foi para a cobrança de falta. A bola passou pela barreira e foi no ângulo direito da meta de Torgnascioli.

 

 

 

Aos 33, Guerrero ampliou a vantagem corintiana na partida, recebenbo bola cruzada por Elias em jogada de Jadson para dar um toque de cabeça na bola e vencer o goleiro adversário.

 

 

 

Logo no começo do segundo tempo, Guerrero fez o terceiro gol corintiano, ao bater de voleio bola cruzada por Emerson em jogada construida por Renato Augusto, aos 20 segundos de etapa final.

 

 

 

Mesmo com a vantagem no placar, o Corinthians seguiu no ataque e criando oportunidades. Aos 22, Guerrero aproveitou cobrança de falta para dar m toque na bola e anotar o seu terceiro gol na partida, o quarto dos alvinegros.

 

 

 

O time da casa ficou com a posse de bola durante o restante da partida, administrando a partida e jogando os minutos finais com um jogador a mais, após a expulsão de De los Santos.

 

 

Próximos jogos de Danubio e Corinthians pela 5ª rodada do Grupo 02 da Taça Libertadores da América 2015

 

 

Danubio (URU) x São Paulo – 15/abr – 22h00 – Estádio Jardines del Hipodromo

 

 

Corinthians x San Lorenzo (ARG) – 16/abr – 22h00 – Arena Corinthians

 

 

Da Redação com informações da FPF