Taça Libertadores 2015: São Paulo faz a tarefa de casa e vence o Cruzeiro por 1 a 0 pela Libertadores.

São Paulo FC
São Paulo FC

 

 

Em duelo de brasileiros, São Paulo e Cruzeiro jogaram nesta quarta-feira (6) pela partida de ida das oitavas de final da Taça Libertadores da América 2015, com a vitória são-paulina pelo placar de 1 a 0.

 

 

O São Paulo se classifica para as quartas de final com o empate. O Cruzeiro precisa vencer por dois gols de diferença para seguir na competição.

 

 

 

Aos seis minutos de partida, Bruno fez a jogada e cruzou para Centurión tentar o cabeceio e Fábio fez a defesa. O São Paulo se arriscava mais no ataque nos primeiros minutos de partida e tinha mais posse de bola.

 

 

De Arrascaeta teve a chance de aproveitar rebote de cobrança de falta aos 26, mas sem sucesso. O São Paulo seguia buscando o ataque e aos 35, Alexandre Pato completou cruzamento de Wesley para boa defesa do goleiro da equipe mineira.

 

 

Reinaldo, aos 11 minutos, cobrou escanteio que Rafael Tolói desviou e deixou para Alexandre Pato completar na pequena área e quase abrir o placar para o São Paulo.

 

 

 

Leandro Damião respondeu do lado cruzeirense ao fazer o passe para Marquinhos tentar o chute e também levar perigo para a meta de Rogério Ceni. O São Paulo continuava a conseguir chances e Alexandre Pato arriscou o chute aos 24 minutos, para a defesa de Fábio.

 

 

 

O São Paulo seguiu buscando o ataque e aos 37 minutos, Centurión aproveitou cruzamento da direita para tentar o cabeceio e colocar o São Paulo na frente do placar no Morumbi.

 

 

Jogo de volta entre Cruzeiro e São Paulo pelas oitavas de final da Taça Libertadores da América 2015

 

 

 

Cruzeiro x São Paulo – 13/mai – 19h30 – Estádio do Mineirão

 

 

 

SÃO PAULO 1 X 0 CRUZEIRO

 

 

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 6 de maio de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Carlos Amarilla (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo (PAR) e Milciades Saldivar (PAR)
Cartões amarelos: Mayke, Manoel (Cruzeiro)
Público: 66.369 pessoas (total)
Renda: R$ 3.672.805,00
Gols: SÃO PAULO: Centurión, aos 37 minutos do segundo tempo

 

 

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Lucão e Reinaldo; Denilson, Souza e Ganso; Wesley (Boschilia), Centurión (Rodrigo Caio) e Alexandre Pato
Técnico: Milton Cruz

 

 

 

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Léo, Manoel e Mena; Willians, Henrique, De Arrascaeta e Marquinhos; Willian (Gabriel Xavier) e Leandro Damião (Joel)
Técnico: Marcelo Oliveira

 

 
Da Redação