Taça Libertadores 2015 – Atlético Mineiro perde para perdeu por 1 a 0 para o Atlas mas segue com chances na Libertadores

Atlético Mineiro perde para perdeu por 1 a 0 para o Atlas mas segue com chances na Libertadores - foto: www.atlasfc.com
Atlético Mineiro perde para perdeu por 1 a 0 para o Atlas mas segue com chances na Libertadores – foto: www.atlasfc.com

 

Depois de duas vitórias consecutivas na Copa Bridgestone Libertadores da América, o Atlético perdeu por 1 a 0 para o Atlas, na noite desta quarta-feira, no Estádio Jalisco, em Guadalajara, no México. A partida foi válida pela 5ª rodada do Grupo 1.

 

 

Para se classificar às oitavas de final da competição, o Galo terá que vencer o Colo-Colo por dois gols de diferença, na próxima quarta-feira, na Arena Independência, desde que o Atlas não derrote o Independiente Santa Fe por quatro ou mais gols de diferença, na Colômbia.

 

 

O JOGO

 

 

O Atlético levou perigo pela primeira vez aos cinco minutos, quando Carlos recebeu passe em profundidade na grande área, mas a arbitragem assinalou impedimento do atacante atleticano.

 

 

Aos oito minutos, Victor fez boa defesa no cabeceio de Venegas, após cobrança de escanteio pela direita do ataque mexicano.

 

 

Leandro Donizete arriscou chute de longa distância, aos onze minutos, e a bola saiu à esquerda do gol. Em seguida, Douglas Santos recebeu lançamento de Rafael Carioca, cruzou para a área e Lucas Pratto ajeitou de cabeça para Carlos, que foi travado pelo zagueiro quando tentou concluir a jogada.

 

 

Aos 22 minutos, Victor fez defesa milagrosa após cobrança de falta para a grande área e finalização de Barragáne. Três minutos depois, Victor fez outra grande defesa no cabeceio de Venegas.

 

 

O Galo tentou responder com Carlos, mas o goleiro Vilar saiu do gol para interceptar a jogada. No ataque seguinte, Donizete cruzou com perigo pela direita e a bola atravessou a grande área.

 

 

Aos 36, Luan arriscou de fora da área, por cima do gol. Três minutos depois, González abriu o placar para o Atlas.

 

 

 

SEGUNDO TEMPO

 

 

O Galo retornou do intervalo sem alterações e fez a primeira tentativa no cruzamento de Patric, interceptado pelo goleiro. Aos oito minutos, Patric chegou à linha de fundo pela direita e cruzou para o corte da zaga.

 

 

Em novo lance pela direita, Patric recebeu lançamento de Leandro Donizete e cruzou para nova interceptação do goleiro mexicano.

 

 

Aos 12 minutos, Luan cobrou escanteio e Edcarlos cabeceou rente ao travessão. Logo depois, Douglas Santos invadiu a área e finalizou para a defesa de Vilar.

 

 

Aos 16, Leandro Donizete e Lucas Pratto foram substituídos por Cardenas e Guilherme, respectivamente.

 

 

Guilherme tentou enfiada de bola para Douglas Santos aos 25 minutos, mas o passe foi muito longo e o latera não conseguiu alcançar a bola.

 

 

Aos 30 minutos, Dátolo deixou o campo para a entrada de Danilo Pires. Aos 36, Carlos recebeu grande passe de Luan e concluiu por cima do gol.

 

 

Carlos teve outra chance aos 42 minutos, após cruzamento de Guilherme pela direita, mas parou na defesa de Vilar, que fez outra boa defesa na conclusão de Luan. O Atlético pressionou nos minutos finais, mas não alcançou o gol de empate.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

 

ATLAS (MÉX) 1 x 0 ATLÉTICO
Motivo: Copa Libertadores da América – Grupo 1 – 5ª rodada
Data: 14/04/2015
Hora: 22:00
Estádio: Jalisco
Cidade: Guadalajara (México)
Gol: González (39’)
Árbitro: Patricio Loustau (ARG)
Auxiliares: Diego Bonfa (ARG) e Gustavo Rossi (ARG)
Cartões amarelos: Leandro Donizete, Patric, Dátolo (Atlético); Daniel Álvarez (Atlas)

 

 

Atlas
Federico Vilar; Venegas, Enrique Pérez, Kannemann e Edgar Castillo; Juan Medina, Aldo Ramírez, Arturo González e Daniel Álvarez (Juan Hernández); Carlos Ochoa (Keno) e Barragán (Christian Suárez). Técnico: Tomás Boy.

 

 

Atlético
Victor; Patric, Jemerson, Edcarlos e Douglas Santos; Leandro Donizete (Cardenas), Rafael Carioca, Dátolo (Danilo Pires) e Luan; Carlos e Lucas Pratto (Guilherme). Técnico: Levir Culpi.

 

 

Da Redação com informações do Atlético Mineiro – www.atletico.com.br