Ginástica Artística: Brasil conquista três medalhas na etapa da Eslovênia da Copa do Mundo de ginástica artística

Nova geração feminina mostrou força com o bronze de Rebeca Andrade nas barras assimétricas e com a dobradinha no pódio da trave
Nova geração feminina mostrou força com o bronze de Rebeca Andrade nas barras assimétricas e com a dobradinha no pódio da trave

 

 

 

 

Rebeca Andrade, 15 anos. Lorrane dos Santos, 16. Julie Kim, 17 anos. As três jovens ginastas da Seleção Brasileira feminina subiram ao pódio neste fim de semana na etapa da Copa do Mundo de Ljubljana, na Eslovênia, mostrando que a nova geração tem força.

 

 

 

No sábado (04.04), Rebeca Andrade foi a primeira a se apresentar na final das barras assimétricas e recebeu a nota 12,800. A ginasta teve uma falha ao tentar passar de uma barra para a outra, mas continuou executando a série e não caiu do aparelho, como aconteceu com a maioria das ginastas que se apresentaram na decisão. A brasileira conquistou o bronze em sua primeira competição na categoria adulta, ficando atrás apenas da canadense Isabela Onyshko (13,850), e da sueca Jonna Adlerteg (13,475).

 

 

 

No domingo (05.04), foi a vez de Lorrane e Julie subirem ao pódio na disputa da trave: a primeira ficou com a prata (13,525 pontos) e Julie, com o bronze (13,225). Também nesta prova o ouro ficou com a canadense Isabela Onyshko (14,075).

 

 

 

Lorrane – que havia se classificado com a melhor nota – executou bem a série, com uma saída quase cravada, tendo sofrido apenas um grande desequilíbrio, mas a canadense apresentou uma série de maior dificuldade e superou a brasileira. Julie Kim ficou com o bronze graças a uma série melhor executada em relação à classificatória, quando terminou na sétima colocação.

 

 

 

Após três etapas da Copa do Mundo – Cottbus, Doha e Ljubljana – a Seleção Brasileira de ginástica artística soma sete pódios. Além das três medalhas das jovens ginastas, Arthur Zanetti ganhou dois ouros nas argolas e Diego Hypolito conquistou uma prata no salto e uma no solo. A próxima etapa da Copa do Mundo será realizada no Brasil, de 1 a 3 de maio. São Paulo volta a sediar a competição após nove anos.

 

 

 
Da redação com informações brasil2016.gov.br