Campeonato Brasileiro 2015 – Brasileirão: Atlético Mineiro nocauteia o Vasco por 3 a 0 e cola no G4

Thiago Ribeiro marcou dois gols na vitória do Galo sobre o Vasco por 3 a 0.
Thiago Ribeiro marcou dois gols na vitória do Galo sobre o Vasco por 3 a 0.

 

 

O Atlético fez valer o mando de campo para se aproximar do G4 do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, na Arena Independência, em Belo Horizonte, o Galo venceu o Vasco por 3 a 0, gols de Thiago Ribeiro (2) e Dátolo, em confronto válido pela 4ª rodada da competição.

 

 

Com o triunfo sobre a equipe carioca, o Alvinegro chegou a sete pontos e subiu para o 5º lugar na tabela de classificação.

 

 

 

 

Na próxima rodada, o adversário será o Avaí, nesta quarta-feira, em Florianópolis.

 

 

 

O atacante Diego Tardelli esteve na Arena Independência acompanhando a partida e foi ovacionado pela torcida.

 

 

 

 

O JOGO

 

 

 

O Atlético abriu o placar logo aos dez minutos, em belo gol de Thiago Ribeiro, que pegou a sobra de bola na grande área pela esquerda e finalizou de forma certeira no canto esquerdo do goleiro paraguaio Martín Silva, arqueiro do Olimpia na decisão da Libertadores de 2013, conquistada pelo Galo.

 

 

 

Aos 17 minutos, Luan avançou pela direita e cruzou para o corte da zaga. Na continuação da jogada, Patric tabelou com Giovanni na grande área e cruzou rasteiro, mas a bola atravessou a pequena área.

 

 

 

O Alvinegro seguiu pressionando o ampliou o placar aos 18 minutos, quando Lucas Pratto caiu pela direita, recebeu passe de Luan e cruzou na medida para Dátolo marcar de cabeça: Galo 2 x 0.

 

 

 

O Atlético seguiu pressionando e teve boas chances no cruzamento de Giovanni Augusto pela direita, interceptado pela defesa, e na finalização de Lucas Pratto, defendida por Martin Silva.

 

 

 

 

Aos 29, Pratto pegou rebote da defesa vascaína e chutou de primeira, a bola desviou no zagueiro e saiu por cima do gol. Giovani Augusto cobrou o escanteio pela direita e Leonardo Silva cabeceou com perigo, à esquerda do gol.

 

 

 

 

Após falha em saída de bola do time carioca, Thiago Ribeiro avançou em contra-ataque pela esquerda, mas acabou não conseguindo dar sequência ao lance. Aos 43, Luan cruzou pela direita e Thiago Ribeiro apareceu na segunda trave para finalizar de primeira e fazer o terceiro gol atleticano.

 

 

 

SEGUNDO TEMPO

 

 

 

O time atleticano voltou do intervalo com Leandro Donizete no lugar de Giovanni Augusto. Já na primeira tentativa, Douglas Santos exigiu grande defesa de Martin Silva.

 

 

 

Em seguida, Dátolo foi substituído por Dodô. Após cruzamento de Patric e corte da defesa, Lucas Pratto recebeu lançamento de Leandro Donizete e concluiu por cima do gol.

 

 

 

Em outra boa oportunidade alvinegra, Dodô cruzou rasteiro pela direita e Thiago Ribeiro se esticou todo, mas não alcançou a bola.

 

 

 

Aos 23 minutos, Pratto concluiu para a defesa de Martin Silva. Seis minutos depois, foi a vez de Patric deixar o campo para a entrada de Carlos César.

 

 

 

Carlos César fez grande jogada pela direita r cruzou para Lucas Pratto, mas o atacante argentino errou a finalização.

 

 

 

Já nos descontos, Donizete foi à linha de fundo pela direita e tentou o cruzamento para Lucas Pratto, mas a defesa carioca afastou o perigo.

 

 

 

FICHA TÉCNICA

 

 

 

ATLÉTICO 3 x 0 VASCO
Motivo: Campeonato Brasileiro – 4ª rodada
Data: 31/05/2015
Hora: 16h
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gols: Thiago Ribeiro (10’) (43’), Dátolo (18’)
Público pagante: 17.958
Renda: R$630.387,50

 

 

Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)

 

 

Cartões amarelos: Diguinho, Rafael Silva (Vasco)

 

 

 

 

Atlético
Victor; Patric (Carlos César), Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Rafael Carioca, Dátolo (Dodô), Giovanni Augusto (Leandro Donizete) e Luan; Thiago Ribeiro e Lucas Pratto. Técnico: Levir Culpi.

 

 

 

 

Vasco
Martin Silva; Madson, Luan, Rodrigo e Christiano; Guiñazu, Diguinho, Julio dos Santos (Marcinho) e Riascos (Yago); Gilberto e Rafael Silva (Bernardo). Técnico: Doriva.

 

 
Da Redação com informações provenientes do site oficial do Atlético Mineiro – www.atletico.com.br