Cultura: O ator Cláudio Marzo morreu neste domingo devido a complicações de um enfisema pulmonar.

Cláudio Marzo
Cláudio Marzo

 

 

 

O ator Cláudio Marzo morreu às 5h39m deste domingo, aos 74 anos, em decorrência de complicações de um enfisema pulmonar. O ator estava internado desde o último dia 4, no Rio de Janeiro.

 

 

Marzo nasceu em São Paulo, em 26 de setembro de 1940 e foi contratado pela TV Globo em 1965. Filho de um metalúrgico, o ator foi casado por quatro vezes com as atrizes Betty Faria, Denise Dumont e Xuxa Lopes, respectivamente. Sua última mulher foi Neia Marzo, que o acompanhou no hospital. O ator deixa três filhos, entre eles a atriz Alexandra Marzo, fruto de sua primeira união.

 

 

 

Na carreira de sucesso do ator estão clássicos da televisão brasileira como A Moreninha (1965), Saramandaia (1976) , Pantanal (1990), Fera Ferida (1993) e Irmãos Coragem (1995) . Marzo também trabalhou no cinema, onde atuou pela última vez em A Casa da mãe Joana, em 2007.

 

 

A atuação de despedida do ator nas telas da TV foi em 2008, quando participou da minissérie “Guerra e Paz”. Em toda a carreira, Marzo trabalhou em 38 novelas, além de cinco minisséries e 35 filmes.

 

O ator Cláudio Marzo morreu às 5h39m deste domingo, aos 74 anos, em decorrência de complicações de um enfisema pulmonar. O ator estava internado desde o último dia 4, no Rio de Janeiro.

 

 

Marzo nasceu em São Paulo, em 26 de setembro de 1940 e foi contratado pela TV Globo em 1965. Filho de um metalúrgico, o ator foi casado por quatro vezes com as atrizes Betty Faria, Denise Dumont e Xuxa Lopes, respectivamente. Sua última mulher foi Neia Marzo, que o acompanhou no hospital. O ator deixa três filhos, entre eles a atriz Alexandra Marzo, fruto de sua primeira união.

 

 

 

Na carreira de sucesso do ator estão clássicos da televisão brasileira como A Moreninha (1965), Saramandaia (1976) , Pantanal (1990), Fera Ferida (1993) e Irmãos Coragem (1995) . Marzo também trabalhou no cinema, onde atuou pela última vez em A Casa da mãe Joana, em 2007.

 

 

 

A atuação de despedida do ator nas telas da TV foi em 2008, quando participou da minissérie “Guerra e Paz”. Em toda a carreira, Marzo trabalhou em 38 novelas, além de cinco minisséries e 35 filmes.

 

 
Na televisão

 

 

2007 – Desejo Proibido – Lázaro Simões
2005 –  A Lua me Disse – Ivan Lago
2003 –  Mulheres Apaixonadas – Rafael Nogueira
2002 – Coração de Estudante – João Alfredo Mourão
1999 – Andando nas Nuvens – Antônio San Marino
1998 – Era Uma Vez… – Xistus Kleiner
1997 –  A Indomada – Pedro Afonso de Mendonça e Albuquerque
1996 –  Vira Lata – Lupércio
1995 –  Irmãos Coragem – Cel. Pedro Barros
1993 – Fera Ferida – Orestes Fronteira
1990 – Pantanal – José Leôncio/Velho do Rio
1989 – Kananga do Japão – Noronha
1987 – Bambolê – Álvaro Galhardo
1986 – Cambalacho – Rogério Guerreiro
1984 – Partido Alto – Maurício
1983 – Pão Pão, Beijo Beijo – Ciro
1981 – Brilhante – Carlos Amorim
1980 – Plumas & Paetês – Edgar
1980 – Olhai os Lírios do Campo – Eugênio Fontes
1978 – Roda de fogo – Jacques
1976 –  Saramandaia – Conde August Strauss
1975 – Senhora – Fernando Seixas
1974 – O Espigão – Léo Simões
1973 – Carinhoso – Humberto
1972 – O Bofe – Dimitrius
1971 – Minha Doce Namorada – Renato
1970 – Irmãos Coragem – Duda Coragem
1969 – Véu de Noiva – Marcelo Montserrat
1969 – A Última Valsa – Carlos Augusto
1968 – A Grande Mentira – Roberto
1968 – Sangue e Areia – Miguel
1967 –  A Rainha Louca – Robledo
1966 –  O Sheik de Agadir – Marcel
1966 – Eu Compro Esta Mulher – Ricardo
1965 – Um Rosto de Mulher – (deconhecido)
1965 – A Moreninha – Augusto
1964 – Marcados pelo Amor – Roberto
1963 – Moulin Rouge, a Vida de Toulouse-Lautrec – (desconhecido)

 

 
Ano Minissérie – Personagem
2007 – Amazônia, de Galvez a Chico Mendes – Ramalho Jr.
2000 – Aquarela do Brasil – Rodolfo
1991 – O fantasma da ópera – Rodrigo Alfredo do Vale
1985 – Tenda dos Milagres – Jerônimo
1982 – Quem Ama Não Mata – Jorge

 

 

 

Ano Série Episódio Personagem

 

2008 – Guerra e Paz – Mães & Pais – Capitão Guerra
1998 – Você Decide – Aconteceu no Natal – (desconhecido)
1996 – Você Decide – O Professor – (desconhecido)
1993 – Você Decide – O Homem Errado – (desconhecido)

 

 
No cinema

 

 

2007 – A Casa da Mãe Joana …. Leopoldo
2007 – Meteoro …. Velho Meirelles
2002 – A Selva …. Juca Tristão
2001 – O Xangô de Baker Street …. Pedro 2º
2001 – Um Crime Nobre
2000 – Os Três Zuretas
1997 – O Homem Nu …. Sílvio Proença
1996 – Adágio ao Sol …. Júlio
1992 – Perfume de Gardênia …. Delegado
1990 – Mais que a Terra
1986 – Fulaninha …. Bruno
1985 – Avaeté – Semente da Vingança …. Deputy
1985 – Chico Rei …. Felipe dos Santos
1985 – Fonte da Saudade
1984 – Nunca Fomos tão Felizes …. Beto
1983 – Parahyba Mulher Macho …. João Dantas
1982 – Pra frente, Brasil
1982 – O Último Vôo do Condor …. Murilo
1982 – Profissão Mulher
1982 – O Segredo da Múmia
1979 – Memórias do Medo
1978 – A Lira do Delírio
1978 – A Dama do Lotação
1978 – Pequenas Taras …. Diogo
1978 – Se Segura, Malandro! …. Zatopek do Crime
1975 – O Flagrante
1973 – Os Condenados …. João do Carmo
1971 – O Capitão Bandeira contra o Doutor Moura Brazil …. Capitão Bandeira
1970 – Em Busca do Susexo …. Borges
1969 – Máscara da Traição …. César
1968 – O Engano …. Doctor
1968 – O Homem que Comprou o Mundo
1968 – Os Viciados …. (episódio “A Fuga”)
1968 – Copacabana Me Engana …. Hugo
1967 – O Mundo Alegre de Helô …. Freddy

 

 

Prêmios e indicações

Festival de Gramado

Vencedor: melhor ator por O Homem Nu
Melhor Ator pelo troféu imprensa 1990.

 

 

Da Redação com informações da EBC